Randstad intensifica entrevista on-line e trabalho remoto para evitar contágio por coronavírus

Com o aumento no número de casos de infetados por COVID-19 em São Paulo, a Randstad, líder global em solução de recursos humanos, passa a adotar medidas preventivas para a entrega de seus serviços em todo o país. A principal ação será realizar as entrevistas por meio de chamada de vídeo em tempo real, levando em conta a proteção de dados e saúde de  candidatos e consultores.

 

A empresa já permitia que seus colaboradores trabalhassem de forma remota, mas em resposta à instabilidade causada pelo Coronavírus, e considerando as orientações da OMS (Organização Mundial da Saúde), essa medida será intensificada para toda a equipe. O objetivo é a continuidade dos processos seletivos, e que todos os canais de contato continuem atuantes, tanto para candidato quanto para cliente .

 

Com a ação, candidatos e recrutadores podem se conectar sem precisarem se deslocar à sede da empresa de recrutamento. “Acreditamos o processo digital é uma medida necessária para o momento que enfrentamos no país, para garantir o bem-estar dos nossos colaboradores e candidatos”, explica Maria Luiza Nascimento, diretora de recursos humanos da Randstad.

 

“Sem previsão para que a situação se normalize, a medida vai permitir que possamos dar continuidade ao fluxo de entrevistas, sem comprometer a qualidade dos processos de seleção e das entregas”, completa a especialista.